Páginas

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Oportunidade de Emprego

Confira as vagas disponíveis de emprego no Sine de Cruz Alta
Informações: 55 3322 4110

- Auxiliar Mecânico Soldador
- Mecânico Industrial
- Eletricista Industrial
- Auxiliar de Linha de Produção
- Trabalhador Rural
- Operador de Empilhadeira
- Auxiliar de Cozinha
- Borracheiro
- Vendedor
- Assistente Técnico de Logística

- Casal para Tambo de Leite
- Assistente Financeiro
- Repositor

- Auxiliar Administrativo
- Vendedora Interna
- Auxiliar em Lavagem
- Operador de Máquinas
- Auxiliar de Cozinha
- Serviços Gerais
- Oficial Auxiliar Geral
- Técnico em Eletrônica
- Auxiliar Geral
- Atendente de Farmácia
- Caixa Operador de Farmácia
- Auxiliar Administrativo
- Caixa Operador
- Auxiliar Mecânico
- Caixa para trabalhar em Supermercado


Fatos da Semana - 22 de Abril de 2013


segunda-feira, 15 de abril de 2013

Fatos da Semana - 14 de Abril de 2013

Veja na íntregra a edição desta semana.


Imunização contra Gripe A

As doses contra a Gripe A já começaram a serem aplicadas em alguns grupos da população. Veja quem está incluído na imunização.


segunda-feira, 8 de abril de 2013

Fatos da Semana - 07 e 08 de Abril

Confira, a edição na íntegra do telejornal Fatos da Semana.


domingo, 7 de abril de 2013

Destaques da Semana


Saiba o que é destaque na edição desta semana.

Cooperativa acumula quase 300 milhões de reais em dívidas, e corre risco de fechar. Saiba de qual estamos falando.
Vereadores buscam em Brasília recursos para revitalização do centro da cidade.
Atendimento de saúde normalizado na Vila Rocha.
Audiência Pública discute a criação de um conselho de proteção e políticas aos animais.

quarta-feira, 3 de abril de 2013

EDITORIAL


Um avanço sim! É com esta afirmação que começo a escrever sobre o assunto destinado ao editorial desta semana, aqui no blog. A lei que garante direitos as empregadas domésticas representa para esta categoria a valorização profissional de quem trabalha horas e horas para cuidar, arrumar, lavar, passar, cozinhar e tantas outras tarefas realizadas dentro de um lar.

Por que elas não podem ter direitos de um trabalhador comum? Podem e devem ter: seguro-desemprego, indenização em demissão sem justa causa, FGTS, salário-família, adicional noturno, auxílio-creche e seguro contra acidente de trabalho. Podem porquê é o direito de qualquer profissional, e os domésticos não são?

Com a validação da lei, muita polêmica foi criada e teve gente que ainda ousou em falar que isso poderá ocasionar demissão em massa, mas porquê? É claro, que não podemos deixar de citar que a regularização  gera mais encargos. Mas como em qualquer profissão. Será que a partir de agora os patrões irão começar a demitir, se livrar destes trabalhadores? E a casa, a comida, as crianças como ficam?







Pesquisar este blog